A Santa Madre Igreja

XXI

      A Idade Moderna liga-se à globalização apesar da tomada de Constantinopla pelos turcos. Os portugueses, contornando o sul da África, alcançaram o extremo Oriente, acelerando o comércio exterior. Desloca-se para o Atlântico a rota comercial antiga, prosseguindo outras descobertas marítimas ibéricas.

     De todo esse esforço, vindo do meado do século XV, até os primórdios do seguinte, adveio o Renascimento com o espólio da cultura helênica na versão não só dos cristãos bem como dos árabes e judeus.

     Todavia, pemanecia o manto espiritual do Vaticano, assim como as suas vertentes nascidas na tradição medieval, entranhados que estavam no inconsciente coletivo.

     Quando os conversos em geral, trazendo em seu ventre o mesmo saber cristão dos Evangelhos, desembarcaram nos portos que os abrigaram, inclusive o nosso clã, sentiram o excesso de idéias defasadas sobrevindas da Idade Média. 

     Mesmo dois séculos depois as contribuições renovadoras de João Batista Vico ou ímpetos trazidos pela Nova Escolástica faziam ser aquelas lembranças antigas policiadas pelo aviso do Santo Ofício em suas pressões reacionárias.

     Em Torraca e em Sapri, cidades irmãs e suas vizinhas do sul de Campania e norte de Calábria, postavam-se silenciosas, místicas e atentas como o pastor a quem não escapa qualquer inquietação de seu rebanho no silêncio da montanha. E os sacerdotes não escondiam nos versos de Homero o que houvera: “nós troianos já éramos, e toda glória desabou”  .

     Torraca fora mais feliz do que Tróia, dizia o vigário, pois, finda a catátrofe, renascera das cinzas como pássaro.

      Quase dois mil anos após o sacrifício de Príamo, os franceses de Bonaparte incendiaram a velha Igreja, porém os moradores da comunidade e arredores a reconstituíram com as mesmas pedras do passado pré-helênico.

       Como repercutiam nas Universidades os fatos do final do século dezoito? Deram-se a Revolução Francesa, a derrubada da Monarquia e o chamado Terror, abrindo-se nova era.Tanto o Vallo de la Lucania quanto Policastro Vetere integravam o reino das duas Sicílias e viviam a perplexidade das mudanças que se avizinhavam, porém a miséria e o descontentamento mantinham-se entre as populações meridionais.

     Não se sabe até que ponto a estratégia de Napoleão fazia parte de mero jogo de conquista ou de reformas profundas na estrutura econômica, política e social da Europa. Admitido ou não o propósito de varrer as heranças feudais, a ação militar é como que a plataforma burguesa para o domínio de novos modelos tanto econômicos quanto jurídicos. O Risorgimento dir-se-ía a dádiva bonapartista em sua partida, processando-se depois o curso em termos da unidade.

     Na primeira metade do século dezenove, o desenvolvimento econômico atingiu Campania e Calábria, que receberiam as linhas ferroviárias, alcançando Nápoles e descendo para coser o couro da bota, como então se dizia.

     Torraca e Sapri, bem como dezenas de outros burgos próximos, sofreram as consequências de atividadaes carbonárias, desfechadas sem projeto, provocando malogros e tragédias. Trata-se de período de migrações internas intensas para o norte, meio-dia e mesmo para o leste. Em 1849 teve início a guerra com o lema: a Itália agirá por si própria.Os resultados consistiam em sérias derrotas militares como as de Custozza e Novara.

     Anos terríveis transcorreram durante a segunda metade do século XIX, varrida a Itália de lutas internas, facções ideológicas adversárias por divergências quanto ao modo de unificar todas as províncias.

     Os Mercadantes e outras famílias que em Torraca haviam permanecido por séculos decidiram pela emigração e com enorme sacrifício e profunda tristeza, se despediam do passado de quatrocentos anos. De meu pai, nos anos trinta do Novecentos, ainda ouvi o recordar que manifestava o meu avô quando da saída de Nápoles, afastando-se o navio, deixando para trás a Praça São Carlos com o seu famoso teatro de Rossini, Mercadante, Donizetti e Bellini, das primas donas cujas coloraturas se perderam na indiferença do tempo.

Anúncios

The URI to TrackBack this entry is: https://pmercadante.wordpress.com/2008/04/05/a-santa-madre-igreja/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: